Parceiros

Centro de Economia Energética e Ambiental

Sobre o CENERGIA/COPPE/UFRJ

O CENERGIA (Centro de Economia Energética e Ambiental) é um laboratório de pesquisa sediado no Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (COPPE/UFRJ). Constituído por um grupo interdisciplinar de professores e pesquisadores formados em economia e engenharia, a missão do CENERGIA é desenvolver pesquisa aplicada e disseminar conhecimento inovador sobre interações complexas do setor de energia com o desenvolvimento socioeconômico e a preservação do meio ambiente.

Desde a sua criação, em 2002, o CENERGIA desenvolve e aplica ferramentas pioneiras para o planejamento energético e ambiental, as quais têm orientado tomadores de decisão e formuladores de políticas públicas no contexto brasileiro e internacional. Os estudos desenvolvidos têm contribuído para a representação detalhada do setor energético e uso do solo em diferentes contextos socioeconômicos e climáticos e identificar sinergias e potenciais conflitos associados às inovações tecnológicas e mudanças comportamentais para a transição para uma economia de baixo carbono no Brasil, na região da América Latina e no globo.

http://www.cenergialab.coppe.ufrj.br/

Pesquisadores

Roberto Schaeffer é Engenheiro Eletricista pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) e doutor em políticas energéticas pela Universidade da Pensilvânia, EUA. É professor titular do Programa de Planejamento Energético da Universidade Federal do Rio de Janeiro (PPE/COPPE/UFRJ). Atua nos relatórios de avaliação do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC) desde 1998, sendo um dos cientistas contemplados com o Prêmio Nobel da Paz de 2007 pelas contribuições da pesquisa. Desde 1998, o Dr. Schaeffer é editor-associado da revista científica Energy - The International Journal.

Alexandre Szklo é Engenheiro Químico pela Faculdade de Química da UFRJ e doutor em ciências pela mesma instituição. É professor associado do Programa de Planejamento Energético da Universidade Federal do Rio de Janeiro (PPE/COPPE/UFRJ). É coordenador do desenvolvimento de modelos nacionais e globais de avaliação integrada e de otimização para refinarias de petróleo e suas aplicações em vários projetos internacionais e nacionais financiados pelo BID, Banco Mundial, Greenpeace e a Embaixada Britânica Brasileira.

André F. P. de Lucena é Economista pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio) e doutor em Planejamento Energético na COPPE/UFRJ. É professor associado do Programa de Planejamento Energético da Universidade Federal do Rio de Janeiro (PPE/COPPE/UFRJ). Foi pesquisador visitante no Departamento Internacional de Estudos Energéticos do Laboratório Nacional Lawrence Berkeley (LBNL) na Califórnia e no Instituto Global de Pesquisa em Mudanças Globais (JGCRI) em Maryland, EUA e bolsista da Fulbright no Programa Nexus. É autor líder do sexto relatório de avaliação (AR6) do Grupo de Trabalho III do IPCC.

Pedro R. R. Rochedo é Engenheiro Químico e doutor em Planejamento Energético pela COPPE/UFRJ. É professor adjunto do Programa de Planejamento Energético (PPE) da COPPE/UFRJ. Atua como especialista em modelos integrados de energia e mudanças climáticas. Tem uma vasta experiência em simulação de sistemas de energia e otimização de processos, petróleo e gás, biocombustíveis, energia nuclear e captura e armazenamento de carbono (CCS).

Joana Portugal Pereira é Engenheira Ambiental pelo Instituto Superior Técnico de Lisboa (Portugal), licenciada pela Universidade Nova de Lisboa (Portugal) e doutora pela Universidade de Tóquio (Japão). É professora adjunta do programa de planejamento energético (PPE) da COPPE/UFRJ e pesquisadora visitante no Imperial College London. É autora líder do sexto relatório de avaliação (AR6) do Grupo de Trabalho III do IPCC. Entre 2017 e 2019, atuou como cientista na Unidade de Suporte Técnico do IPCC e coordenou o desenvolvimento dos Relatórios Especiais do IPCC sobre trajetórias de 1.5°C e as Mudanças Climáticas e Uso do Solo.

Bruno S. L. da Cunha é Economista pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (FCE/UFRGS) com extensão na Universidade do Porto (FEP/UPORTO, Portugal), doutor e pesquisador (pós-doutorado) no Programa de Planejamento Energético (PPE/COPPE/UFRJ). Desenvolve um modelo econômico global para investigar políticas climáticas. É autor contribuinte do sexto relatório de avaliação (AR6) do Grupo de Trabalho III do IPCC. É membro do conselho acadêmico e mentor do Youth Climate Leaders (YCL).

Eveline Vasquez Arroyo é Engenheira Ambiental e dos Recursos Naturais pela Universidade Nacional do Callao (UNAC, Peru). Doutora e pesquisadora (pós-doutoranda) no Programa de Planejamento Energético (PPE/COPPE/UFRJ). Trabalha na modelagem de avaliação integrada do nexo água-energia-alimento e a interação com as mudanças climáticas. É cientista de capítulo e revisora do sexto relatório de avaliação (AR6) Grupo de Trabalho III do IPCC.

Francielle Mello de Carvalho é Engenheira Química pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio) e mestre em Planejamento Energético pela COPPE/UFRJ. É doutoranda e pesquisadora no Programa de Planejamento Energético (PPE) da COPPE/UFRJ. Desenvolve sua tese na área de mitigação de emissões no setor de transportes marítimos e trabalha com projetos de pesquisa nas áreas de transição energética, bioenergia, análise de ciclo de vida, entre outros.

Gerd Angelkorte é Engenheiro Agrícola Ambiental pela Universidade Federal Fluminense (UFF) e mestre em Planejamento Energético pela COPPE/UFRJ. É pesquisador e candidato ao doutorado no Programa de Planejamento Energético (PPE) da COPPE/UFRJ. Atua em projetos que envolvem modelagem agropecuária em modelos do tipo IAM, medidas de mitigação climática por meio do agronegócio e o nexo uso do solo-energia-água-clima.

Isabela Schmidt Tagomori é Engenheira Química pela Escola de Química da UFRJ e mestre em Planejamento Energético pela COPPE/UFRJ. Atualmente, é doutoranda em Planejamento Energético (PPE) da COPPE/UFRJ e pesquisadora visitante na Agência de Avaliação Ambiental dos Países Baixos (PBL, Holanda). Desenvolve modelagem espaço-explícita focada em bioenergia, uso da terra e captura, transporte e armazenamento de carbono.

Mariana Império é Engenheira de Produção pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e doutora em Planejamento Energético pela COPPE/UFRJ, com extensão no International Institute for Applied Systems Analysis (IIASA, Áustria). Foi consultora em energia para o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA). É pesquisadora no Programa de Planejamento Energético (PPE) da COPPE/UFRJ. Trabalha com modelagem de sistemas energéticos, objetivos de desenvolvimento sustentável, políticas energéticas e mudanças climáticas.

Rebecca Draeger é Engenheira de Petróleo pela Universidade Federal Fluminense (UFF) e mestranda do Programa de Planejamento Energético (PPE) da COPPE/UFRJ. Sua pesquisa envolve a desagregação por qualidade dos recursos petrolíferos em um modelo global integrado de energia e mudanças climáticas visando a análise de uma transição energética justa.

Parceiros

AfroBiotaBPBESCEM - Cepid/FAPESPCENERGIA/COPPE/UFRJCPTEDRCLAS - HarvardIEPS

Apoiadores

Fundação Maria Cecilia Souto VidigalFundação Tide SetubalGalo da manhãInstituto IbirapitangaInstituto UnibancoItaú Social