As relações entre crianças e cuidadores durante a pandemia

Gabriella Sales
Com o isolamento, aumentou o tempo de uso de telas na faixa de 0 a 3 anos. Quase um terço dos cuidadores observou regressão de comportamento no período

Os dados constam no relatório "Primeiríssima infância – interações na pandemia: comportamentos de pais e cuidadores de crianças de 0 a 3 anos em tempos de covid-19", que está disponível para consulta.

NOTA DE ESCLARECIMENTO: em uma versão anterior do gráfico de frequência que as crianças assistem TV, as categorias "1 a 3 dias" e "4 a 6 dias" estavam na ordem inversa, apesar de estarem com os valores corretos. Para efeito de clareza, a imagem foi alterada no dia 27 de outubro de 2021, às 16h00.

Veja também

Parceiros

AfroBiotaBPBESBrazil LAB Princeton UniversityCátedra Josuê de CastroCENERGIA/COPPE/UFRJCEM - Cepid/FAPESPCPTEClimate Policy InitiativeGEMAADRCLAS - HarvardIEPSJ-PalLAUT